Sofia Escobar: "Gravar em estúdio foi um desafio"

Sofia Escobar marca presença no disco de estreia de Renato Júnior, "Uma Mulher Não Chora", no qual dá voz ao tema "A Vida que eu Quiser".

Renato Júnior tem uma longa carreira como autor, compositor e produtor musical, e tem dedicado muito do seu tempo a compor canções para serem cantadas por mulheres, algo identificável no álbum de estreia em nome próprio, "Uma Mulher Não Chora", lançado no passado dia 1 de novembro, e para o qual contou com a colaboração de quase vinte mulheres.

Renato Júnior explicou na Manhã TSF que quando começou a compor não tinha a intenção de que o disco se tornasse uma homenagem à mulher, mas que, com o desenrolar do trabalho, foi um pouco isso que acabou por acontecer:

Uma das mulheres que participa no álbum, interpretando o tema "A Vida que eu Quiser", é Sofia Escobar, atriz e cantora portuguesa, vencedora de galardão de Melhor Atriz de Teatro Musical em Inglaterra.

A cantora esteve com Renato Júnior na Manhã TSF, à conversa com Nuno Domingues, e garante que a ideia expressa na canção foi fundamental para aceitar o convite. Para Sofia Escobar, habituada a cantar ao vivo em peças de teatro musical, como "West Side Story", "Fantasma da Ópera", e agora "El Médico", em Madrid, gravar em estúdio foi um desafio, uma estreia, e algo que tenciona repetir:

A atriz e cantora reside em Madrid mas, a partir da próxima semana, estará em Portugal para cinco datas com o espetáculo "O Fantasma da Ópera", no Campo Pequeno. Mais difícil será, talvez, conseguir colocar o disco "Uma Mulher Não Chora" na estrada, mas Renato Júnior garante que um dos objetivos é conseguir conciliar as agendas das 16 cantoras participantes, para um ou dois espetáculos ao vivo.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de