Um turbilhão na cabeça de várias mulheres

Sou um Ópera, um Tumulto, Uma Ameaça, é um espetáculo de Cristina Carvalhal, está na sala estúdio Mário Viegas do teatro S. Luiz, em Lisboa.

Uma escritora está a criar uma personagem, é uma artista plástica, e está obcecada por encontrar esta figura e há depois Margaret Cavendish, uma personagem real a filósofa-investigadora-romancista do século XVII, e ainda o Mundo Ardente de Siri Hustvedt, Cristina Carvalhal que junta todos estes pensamentos. chama-lhe um turbilhão, sim é um turbilhão.

Está lançado o caos, mas há uma história que sobressai sobre todas as outras, essa história que está dentro da cabeça de uma escritora, a criar uma personagem.

Com música ao vivo e música gravada, um espetáculo que atravessa várias vozes, várias maneiras, muitas ideias.

Há também a velha dicotomia entre masculino e feminino, uma ideia antiga que já os gregos nos deixaram em herança, o masculino, ligado ao intelecto, alto, duro, espírito e cultura, e depois o feminino, corpo, emoção, suave, baixo, carne e natureza.

Em palco várias vozes chegam da mesma cabeça, são ecos, pensamentos, o caos organizado em várias ideias ditas por varias vozes.

CRIAÇÃO Cristina Carvalhal ASSISTÊNCIA DE ENCENAÇÃO Alice Azevedo CENÁRIO E FIGURINOS Nuno Carinhas INTERPRETAÇÃO Inês Rosado, Manuela Couto, Rosinda Costa, Sílvia Filipe ADEREÇOS João Rapaz LUZ Rui Monteiro SOM Sérgio Delgado PRODUÇÃO EXECUTIVA Sofia Bernardo COPRODUÇÃO Causas Comuns e São Luiz Teatro Municipal AGRADECIMENTOS Ana Luísa Amaral, Pedro Filipe Marques e TEATRO MEIA VOLTA E DEPOIS À ESQUERDA QUANDO EU DISSER /// A Causas Comuns é uma estrutura financiada pelo Governo de Portugal - Ministério da Cultura / Direção Geral das Artes

Sou Uma Ópera, um Tumulto, uma Ameaça é um espectaculo de Cristina Carvalhal, e está na sala estúdio Mário Viegas no Teatro S. Luiz, em Lisboa e fica de quarta a sábado às 19h30 e ao domingo às 16h00, ainda até 10 de outubro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de