Uma comédia dramática, com o humor britanico de Joe Orton

O Saque, é uma história do britânico Joe Orton, pelo Teatro da Terra, agora no Teatro do Bairro, no Bairro alto em Lisboa, pode parecer um drama, mas pode ser uma comédia.

Estreou em Londres, em 1965, O Saque de Joe Orton, um drama cómico, ao estilo britanico, que a companhia, Teatro da Terra quis fazer um espetáculo. Miguel Sopas que encena esta ideia dá conta que podia ser uma comédia de enganos, ou uma comédia de portas, mas é muito britânico.

Um humor reboscado, onde a morte, levemente a homossexualidade dos dois protagonistas, a enfermeira homicida e insinuante ao recém viúvo, um roubo que é escondido num caixão de uma mulher que ainda pouco arrefeceu no caixão, que é mãe de um dos protagonistas.

Dois ladrões, sem nenhum jeito para roubar e completamente desajeitados, querem esconder o saque, daí o nome dentro do caixão da mãe.

Uma comédia cheia de dramas, nuns inadaptados, um humor muito britânico, num tempo em que tudo estava prestes a ser posto em causa.

Autor: Joe Orton; Tradução: Fernando Villas-Boas; Encenação: Miguel Sopas; Cenografia: Daniela Cardante; Desenho de Luz: Pedro Domingos; Com: Hélder Agapito, Marques D"Arede, Miguel Sopas, Paulo Duarte Ribeiro, Rodrigo Saraiva, Sílvia Figueiredo, Vitor Oliveira, Sónia Guerra e Filipe Gomes; Assistência de Encenação: Vitor Oliveira; Produção: Diana Especial; Assistência de Produção: Filipe Gomes; Direcção de Produção: Pedro Domingos; Produção: Teatro da Terra 2022

O Saque com o Teatro da Terra, no Teatro do Bairro, em Lisboa de amanhã, quinta feira, 30 de junho a domingo, dia 3 de julho, sempre 21h30.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de