André Jordan. Promoção do turismo deve ser feita pelos empresários

Na apresentação da 15ª edição da QSP Summit, o "pai" do turismo português defendeu que a promoção do setor deveria ser financiada por parte do IVA gerado pela atividade.

André Jordan, conhecido como o "pai" do turismo português, defendeu esta terça-feira que Portugal precisa de "um turismo de qualidade" e, para isso, é preciso investir em promoção. Na sua opinião, "a promoção do produto tem de ser feita pelos empresários. Ao Turismo de Portugal cabe a promoção do país".

Com 88 anos, 70 dos quais dedicados ao setor do imobiliário e turismo, coube hoje a André Jordan dar o pontapé de saída da 15ª edição da QSP Summit. "A maior conferência de gestão e marketing da Europa", nas palavras da organização, terá lugar entre 28 e 30 de junho, na Exponor, Matosinhos.

Na sessão de apresentação do evento, André Jordan defendeu que o Governo deveria "facilitar que uma parte do IVA seja utilizado em promoção". Para o fundador da Quinta do Lago, no Algarve, esta "é de certeza a forma mais barata" de promover o país.

O empresário ​​​​​​alertou também para a necessidade do turismo português fugir à classificação de "muito barato" e lembrou que "a quantidade não é o melhor" para o setor. "Estamos sempre na mão da chantagem dos operadores, que depois pagam preços irrisórios", sublinhou, apontando que "há hotéis de 4 e 5 estrelas a vender a 100 euros a noite".

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de