Constrangimentos no acesso a nova plataforma da AT superados "na sua esmagadora maioria"

Trabalhadores dos impostos têm acusado o Governo de estar a "implementar o complex" com a transição para a nova página informática.

O Ministério das Finanças afirma que a "esmagadora maioria" dos problemas causados pelo novo sistema informático da Autoridade Tributária já foram ultrapassados, mas não adianta quando prevê que a plataforma esteja a funcionar em pleno.

Desde segunda-feira que o Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos vem denunciando problemas na página eletrónica, que dizem estar a causar um caos nos serviços.

Em resposta à TSF, o gabinete de Fernando Medina admite que "houve constrangimentos temporários", mas contraria a queixa dos trabalhadores de que se trata de problemas "sem resolução à vista" e afirma mesmo que, na maioria, foram superados. Quanto às dificuldades de acesso ao Portal das Finanças por parte dos contribuintes, o ministério rejeita que tenham acontecido.

A Autoridade Tributária explica que a transição para o novo sistema teve a ver com a adoção de melhores práticas no âmbito da proteção de dados, e que só não aconteceu antes porque isso iria perturbar o processo de entrega das declarações de IRS.

A TSF questionou também a tutela acerca do apelo dos trabalhadores para que haja uma renovação no parque tecnológico das finanças, mas não obteve resposta.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de