Governo vai reduzir portagens no interior do país

Medida faz parte do programa "Trabalhar no Interior" e deve avançar até março.

A ministra da Coesão Territorial garante que o Governo vai reduzir portagens no interior do país. A redução será ser gradual e começa já este trimestre, avançou Ana Abrunhosa.

Ana Abrunhosa confessa ter o "desejo secreto de acabar com as portagens". Mas admite que têm de ser adotadas "medidas sustentáveis" e que isto se traduz na redução gradual das portagens "já neste primeiro trimestre", disse a ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, em entrevista à rádio Observador esta terça-feira.

A medida faz parte do programa "Trabalhar no Interior", apresentado na segunda-feira e que quer combater a desertificação no interior do país.

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho explicou à TSF que do programa faz ainda parte uma medida que visa fornecer apoio financeiro direto a trabalhadores que mudem para o interior ou estudantes que queiram começar a vida profissional no interior.

A ministra esclareceu ainda que o valor base do apoio situa-se nos 2600 euros, mas que pode chegar ao teto de 4800 euros, em função das despesas de instalação e transporte, bem como por cada membro do agregado.

Para ter direito à verba, é necessário celebrar um contrato de trabalho no interior, referiu Ana Mendes Godinho.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de