Governo apela aos trabalhadores da Soflusa para porem fim à greve

Os utentes têm protestado contra a falta de barcos, mas o secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade defendeu que a frota é suficiente e que o problema está nos recursos humanos.

O secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade, José Mendes, apelou aos trabalhadores da Soflusa para que terminem a greve ao trabalho suplementar.

"Há duas semanas, o serviço fazia-se - com as mesmas pessoas que estão hoje ao serviço. Portanto, se os trabalhadores levantarem a greve ao trabalho suplementar, o serviço volta imediatamente à normalidade", disse o governante.

José Mendes explicou que, neste momento, a Soflusa tem "uma situação de seis pessoas em baixa prolongada" e que, por isso, "os restantes trabalhadores da área marítima têm de fazer trabalho suplementar, portanto, horas extraordinárias".

O governante lembra, contudo, que, no final do último ano, em dezembro, foi autorizada a contratação de mais quatro profissionais, que "já entraram e estão ao serviço", e que, na última semana, foram abertas quatro vagas para a posição de mestre.

O secretário de Estado indica ainda que, face "a esta situação extraordinária", foi autorizada a contração de "mais seis pessoas", com o objetivo de "suprir as falhas das baixas prolongadas" e que o mesmo já foi comunicado aos sindicatos.

"Nestas condições, acreditamos que será possível ter os trabalhadores suficientes para as escalas e regressar ao serviço normal", afirmou José Mendes.

Considerando que, com o aumento dos funcionários contratados, "o volume de trabalho suplementar dos profissionais irá reduzir", o governante apela aos trabalhadores que terminem o protesto.

Para esta sexta-feira, ao final da tarde, está previsto um protesto dos utentes da Soflusa, na Estação Ferroviária do Sul e Sueste, no Terreiro do Paço, em Lisboa.

Contactada pela TSF, a presidente da Transtejo & Soflusa, Marina Ferreira, considerou não ser oportuno prestar qualquer tipo de declarações.

LER MAIS:

- PCP exige respostas do Governo sobre "enorme degradação" da Soflusa

Continuar a ler