Maioria das reservas canceladas. Restaurantes querem Câmaras a assegurar os testes

A Câmara Municipal de Matosinhos foi a primeira a responder ao apelo.

Os restaurantes querem que sejam as Câmaras a fazer os testes aos clientes, agora que as novas regras aplicadas à restauração e aos empreendimentos turísticos entrarão em vigor. Nos concelhos de risco, a partir das 15h30, quem quiser entrar num restaurante tem de apresentar um certificado digital ou um teste negativo à Covid-19.

O teste pode ser feito à entrada do restaurante, mas Daniel Serra, presidente da Pro.var, adianta que a maioria dos estabelecimentos não tem condições para o fazer, até porque existem muitas dúvidas por esclarecer. A associação está, por isso, a tentar garantir que não são os restaurantes a assegurar os custos da testagem, e "à procura de uma situação que permita que os municípios encontrem unidades, fixas e móveis, de testagem, para que possam, nas zonas próximas de aglomerados de restaurantes, responder a esta necessidade e aliviar a pressão dos restaurantes".

"Os restaurantes não são propriamente unidades de testagem. Aquilo que nós pedimos é que as câmaras municipais das zonas de alto risco façam essas diligências, junto do Governo, de maneira que consigam assegurar que haja o cumprimento das regras."

Para tentar resolver o problema, a associação nacional de restaurantes entrou em contacto com os municípios em maior risco e deixa um pedido aos autarcas e ao Governo.

"Existe essa resistência; primeiro, porque há um desconhecimento da forma e do formato de como fazer em relação aos testes utilizados. Há uma série de dúvidas que estão a ser levantadas, e obviamente que os empresários preferem não correr esse risco."

Há também dúvidas por parte dos clientes, pelo que a Pro.var espera um abrandamento na atividade da restauração, uma "situação que está a gerar um desconforto muito grande nos empresários", já com "a grande maioria das reservas canceladas".

Daniel Serra revela que a Câmara de Matosinhos foi a primeira a responder ao apelo da Pro.var, e já está à procura de uma solução para testar os clientes dos restaurantes do concelho.

LEIA TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de