Novo máximo desde 1992. Inflação sobe para 8,7% em junho

O Instituto Nacional de Estatística estima que a taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor "terá aumentado para 8,7% em junho (8,0% em maio)".

A taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) terá aumentado para 8,7% em junho, face aos 8,0% de maio, o valor mais alto desde dezembro de 1992, estimou esta quinta-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com a estimativa rápida divulgada pelo instituto estatístico, "tendo por base a informação já apurada, a taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) terá aumentado para 8,7% em junho (8,0% em maio)".

"Trata-se do valor mais elevado desde dezembro de 1992", sublinha.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de