Portugal registou em outubro a segunda maior quebra da produção industrial na zona Euro

Face a setembro, a produção industrial aumentou 3,3% na zona Euro e 3,5% na União Europeia, e Portugal registou uma queda de 6,5%, em termos homólogos.

A produção industrial avançou em outubro 3,3% na zona Euro e 3,5% na União Europeia (UE), com Portugal, em contraciclo, a registar o segundo maior recuo (-6,5%) entre os Estados-membros, divulga esta terça-feira o Eurostat.

De acordo com o serviço estatístico europeu, face a setembro, a produção industrial aumentou 1,1% na zona euro e 1,2% na UE.

Na variação homóloga, as maiores subidas do indicador registaram-se na Lituânia (22,7%), Grécia (17,2%) e Dinamarca (14,0%) e as principais quebras na Roménia (-6,6%), Portugal (-6,5%) e República Checa (-4,9%).

Face a setembro, a Alemanha, Eslováquia (3,0% cada) e Grécia (2,5%) registaram os maiores avanços na produção industrial e a Estónia (-2,4%), a Letónia (-1,5%), os Países Baixos e Roménia (-0,9% cada) os principais recuos.

Em Portugal, o indicador subiu 0,5% de setembro para outubro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de