Presidente da CIP diz ter indicações de que o Governo vai prolongar o lay-off

Marcelo Rebelo de Sousa propôs ao Governo, na quarta-feira, o prolongamento deste regime, como forma de estancar o desemprego.

O presidente da CIP (Confederação Empresarial de Portugal), António Saraiva, garante, no Fórum TSF, que tem indicações de que o Governo vai prolongar os lay-off para as empresas conseguirem pagar ordenados. Ainda na quarta-feira, no Parlamento, António Costa não respondeu diretamente sobre o prolongamento do lay-off simplificado, mas sublinhou que é absolutamente essencial manter medidas de proteção para o emprego.

Já Marcelo Rebelo de Sousa, também na quarta-feira, propôs ao Governo o prolongamento deste regime, como forma de estancar o desemprego. No Fórum TSF, esta quinta-feira de manhã, o presidente da CIP afirmou que tem indicações de que esse prolongamento pode acontecer.

"Temos indicações de que sim, que há essa vontade. Talvez não nos atuais modelos em que, neste momento, o lay-off está desenhado e a tipologia em que foi feito. Os 685 mil trabalhadores que estão, neste momento, envolvidos em lay-off terão de estar garantidos para que, no final do período, não entrem no desemprego", explicou à TSF António Saraiva.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de