Sonae encaixa 34 ME com venda e arrendamento de quatro supermercados

As operações de 'sale and leaseback' têm em vista aumentar a liquidez da Sonae, numa altura em que a atividade de supermercados tem sido afetada por restrições de horários.

A Sonae anunciou esta quarta-feira um ganho de 34 milhões de euros com a venda e posterior arrendamento ('sale and leaseback') de quatro supermercados da subsidiária Sonae MC, em comunicado enviado ao mercado.

"A Sonae - SGPS vem pelo presente informar que a sua subsidiária Sonae MC concluiu a operação de venda e posterior arrendamento de quatro ativos de retalho alimentar localizados em Portugal. Como resultado desta operação, a qual totalizou 34 milhões de euros, o nível de detenção de ativos de retalho (freehold) da Sonae MC passou a situar-se em 41%", informou em comunicado esta quarta-feira à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Em resposta à agência Lusa, fonte oficial da Sonae especificou os quatro ativos em causa: Continente Covilhã hiper, inserido no Serra shopping, Continente Modelo Mozelos, em Santa Maria da Feira, Continente Modelo de Faro e Continente Bom Dia da Asprela, no Porto.

As operações de 'sale and leaseback' têm em vista aumentar a liquidez da Sonae, numa altura em que a atividade de supermercados tem sido afetada por restrições de horários e número de clientes por causa da pandemia do novo coronavírus, refere a empresa.

Entretanto, a Olimpo Real Estate Portugal, SIGI, anunciou ao mercado que concluiu a aquisição de um portefólio composto por cinco ativos imobiliários, entre os quais os quatro supermercados Continente à Sonae (e ainda um Pingo Doce), num investimento total de 37 milhões de euros.

O comunicado do grupo liderado por Cláudia Azevedo à CMVM surge um dia depois de, na terça-feira, a Sonae SGPS anunciar a emissão de um empréstimo obrigacionista de 50 milhões de euros, com cinco anos de maturidade, e proceder à sua admissão à negociação no mercado Access da Euronext Lisbon.

O montante total de empréstimos de longo prazo contratados pela empresa, nos últimos quatro meses, está fixado em 327,5 milhões de euros, tendo em conta que a Sonae MC concretizou três operações de refinanciamento de médio e longo prazo no montante total de 122,5 milhões de euros.

"Estas operações permitiram aumentar a maturidade média da dívida, reduzindo de forma significativa as necessidades de financiamento futuras da Sonae MC, mesmo nos cenários macroeconómicos mais adversos, e reforçaram a resiliência do seu balanço, de forma a perseguir os seus objetivos estratégicos em melhores condições", afirmou em comunicado à CMVM na terça-feira.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de