Chuva e vento fortes provocam estragos na ilha de São Miguel

Pelo menos uma família ficou desalojada devido a inundações e várias estradas foram atingidas por derrocadas.

A precipitação e o vento que se fizeram sentir durante a madrugada deste domingo na ilha de S. Miguel provocou várias derrocadas e a inundação de uma casa, anunciou o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA).

O estado do tempo justificou a emissão de um aviso amarelo por parte do IPMA, e deram origem a pequenas derrocadas em estradas no concelho de Ponta Delgada e na estrada da Lagoa do Fogo, no concelho da Ribeira Grande, adiantou à Lusa a Proteção Civil dos Açores.

Foram ativadas equipas de bombeiros voluntários de Ponta Delgada e da Ribeira Grande, bem como dos serviços municipais de proteção civil dos dois municípios, tendo, no caso da estrada da Lagoa do Fogo, na Ribeira Grande, sido chamada, também, a Direção Regional de Obras Públicas e Comunicações.

O SRPCBA deu conta também de uma inundação numa habitação na freguesia das Feteiras, no concelho de Ponta Delgada, que obrigou ao realojamento dos moradores pelo Instituto de Serviços Sociais dos Açores (ISSA).

As ilhas do grupo oriental estiveram sob aviso amarelo entre as 00h00 e as 06h00 devido à forte precipitação, sendo que o alerta relativo ao vento se estendeu até às 09:00.

Também o grupo central esteve sob alerta entre as 13h00 de sábado e as 06h00 de hoje.

Na ilha do Faial foram resgatados, durante a madrugada, dois alemães, tripulantes de uma embarcação que encalhou na vertente oeste do morro de Castelo Branco.

Um dos tripulantes terá conseguido subir a encosta, recebendo assistência dos bombeiros, tendo o segundo, mais debilitado, recebido o auxílio da equipa de resgate dos bombeiros para terminar a subida.

O alerta foi dado pouco depois das 07h00 e, no local, estiveram equipas da polícia marítima, da estação salva-vidas da Horta e dos bombeiros do Faial.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de