Portugal

PR apela à distribuição de sacrifícios de forma «justa»

O chefe de Estado expressou, esta sexta-feira, o desejo de que os novos sacrifícios que se avizinham sejam distribuídos de forma justa.

«O que desejamos é que esses sacrifícios sejam distribuídos de forma justa e, em primeiro lugar, que seja respeitado um princípio básico de equidade nas sociedades democráticas», afirmou Cavaco Silva à margem de uma cerimónia na Câmara da Póvoa de Lanhoso.

PUB

Esse princípio, segundo o Presidente da República, «passa por tratar da mesma forma aqueles que têm as mesmas posses e a mesma situação familiar, aquilo que se chama equidade horizontal que tem como contraponto tratar de forma diferente aqueles que têm um rendimento diferente e uma situação familiar diferente».