A unidade "constrói-se dos dois lados". Veja a entrevista com André Coellho Lima

André Coelho Lima não tem dúvidas de que o tónico do 40.º congresso do PSD foi o da união, mas, em entrevista à TSF, lembrou que a "unidade constrói-se dos dois lados". O deputado social-democrata considera a equipa do novo líder "forte" e vê como ""natural" a lista de nomes escolhida por Luís Montenegro.

André Coelho Lima não tem dúvidas de que o tónico do 40.º congresso do PSD foi o da união, mas, em entrevista à TSF, lembrou que a "unidade constrói-se dos dois lados". O deputado social-democrata considera a equipa do novo líder "forte" e vê como ""natural" a lista de nomes escolhida por Luís Montenegro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de