Rangel "confiante e sereno" diz que tempo é de "esperar" pelos resultados

Candidato disse ter tido durante a tarde indicações de que a participação nas eleições internas estaria a ser alta.

PorLusa
© José Coelho/Lusa

O candidato à liderança do PSD Paulo Rangel afirmou este sábado que vai acompanhar os resultados das eleições diretas "confiante e sereno", mas chegou ao hotel em Lisboa com poucas palavras, dizendo que ainda é tempo "de esperar".

"Estou confiante, naturalmente. Sereno, com expectativa, mas confiante", afirmou Paulo Rangel, à chegada ao hotel em Lisboa onde vai acompanhar a noite eleitoral do partido.

O candidato, que entrou no hotel ladeado pelos apoiantes Miguel Pinto Luz e Pedro Rodrigues, disse ter tido durante a tarde indicações de que a participação nas eleições internas estaria a ser alta.

"A confirmar-se, é um dado extremamente positivo", considerou.

O candidato não quis dizer se tinha dois discursos preparados - de vitória e de derrota -, assegurou que não trouxe nenhuma garrafa de champanhe (ao contrário do seu adversário interno, Rui Rio, que disse que irá abrir uma em qualquer dos cenários) e também não se recordou se recebeu por SMS qualquer informação relativa a sondagens para as legislativas.

Questionado se já pensou nos primeiros passos da sua liderança, se hoje vencer as diretas, Paulo Rangel respondeu que "agora é o tempo de esperar, não o de falar sobre o que fazer a seguir".

"Naturalmente que já pensei muito no que será futuro, mas não é o tempo de falar nisso", afirmou.

Paulo Rangel subiu depois ao oitavo andar do hotel, onde no piso abaixo da receção estão montadas duas salas: uma exclusivamente para a imprensa e outra também para os apoiantes, com 70 cadeiras e bandeiras do PSD em todas elas, e na qual acontecerão as declarações à imprensa ao longo da noite.

O atual líder do PSD, Rui Rio, e o eurodeputado Paulo Rangel disputam este sábado a presidência do partido, em eleições diretas em que podem votar perto de 46.000 militantes.

O 39.º Congresso do partido vai realizar-se entre 17 e 19 de dezembro, na Feira Internacional de Lisboa.

Relacionados

Veja Também

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG