Depois das críticas do último ano, PCP já prepara edição 2021 da Festa do Avante!

Partido garante que vai garantir todas as condições de segurança. Críticas à edição de 2022 aconteceram sobretudo no "plano político", diz Alexandre Araújo.

O PCP já está a preparar a edição 2021 da Festa do Avante! e garante que, à semelhança do que aconteceu na última edição, vai tomar todas as medidas para garantir a segurança do evento que vai comemorar o centenário do partido.

Em declarações à TSF, Alexandre Araújo, do secretariado do Comité Central do PCP, sublinhou que toda a organização da festa vai ter em conta o estado da pandemia em Portugal no mês de setembro.

"Realiza-se num espaço ao ar livre com mais de 30 hectares, 300 mil metros quadrados que permitem todas as condições", sublinha.

Depois da experiência do último ano, que foi "importante" e obrigou a cuidados especiais em áreas como a "organização de filas e a higienização", o PCP conta ter um processo de preparação "simplificado" mas com a garantia "das condições de proteção sanitária para os que participem" numa festa que foi alvo de grandes críticas no ano passado.

"Serão legítimas", reconhece, mas muitas "tinham, em geral, pouca preocupação com a saúde pública e procuravam atingir a Festa do Avante! e o PCP, que a promove, no plano político". Nada que altere as intenções dos comunistas: este ano, a festa "comemorará e assinalará o centenário do PCP", a principal novidade face a 2020.

De resto - e como sempre, assinala Alexandre Araújo - a festa será "uma grande iniciativa política e cultural que se realiza no nosso país. Realiza-se no primeiro fim de semana de setembro, nos dias 3, 4 e 5.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de