Desfile do 25 de Abril? "Seja bem-vindo, quem vier por bem"

Jerónimo de Sousa respondeu aos partidos que acusam a Associação 25 de Abril de lhes negar a participação no desfile.

O PCP garante que todos são bem-vindos ao desfile no 25 de Abril, desde que estejam por bem. A Iniciativa Liberal e o Volt contestaram a decisão da comissão promotora do desfile que lhes negou a participação no evento, justificando com as normas aplicadas em tempo de pandemia.

Num seminário que juntou eurodeputados comunistas, sobre os horários de trabalho, Jerónimo de Sousa lembrou o feriado que comemora a liberdade, e citou Zeca Afonso. "Domingo, nas comemorações populares, evoco a canção de Zeca Afonso: "Sejam bem-vindos, aqueles que vierem por bem", atirou.

O secretário-geral do PCP incentivou os trabalhadores a lutarem "contra os retrocessos, a exploração e o empobrecimento", apelando à participação nas comemoração no 25 de Abril e no 1.º de Maio, dia do trabalhador.

Antes, Jerónimo de Sousa pediu a valorização dos trabalhadores, e criticou o Governo e a direita, incluindo a Iniciativa Liberal.

"Em Portugal, a política do Governo PS e as suas opções, convergência e cedências ao grande capital, ao PSD, CDS e aos seus sucedâneos do Chega e Iniciativa Liberal não servem", sustentou.

A Iniciativa Liberal acusou a comissão promotora do desfile do 25 de Abril de impedir o partido de participar nas comemorações. Os liberais ameaçam organizar o próprio desfile no mesmo dia e local.

Ramalho Eanes será o único antigo Presidente da República a marcar presença na cerimónia comemorativa dos 47 anos do 25 de Abril, no domingo, no Parlamento. O anterior Presidente, Cavaco Silva, vai faltar pelo segundo ano consecutivo.

A Assembleia da República vai repetir na sessão solene comemorativa do 47.º aniversário do 25 de Abril de 1974 o modelo restritivo de presenças que foi adotado no passado por causa da epidemia de Covid-19.

No ano passado, já com a pandemia e com o país em estado de emergência, entre convidados, deputados e membros do Governo, estiveram presentes menos de cem pessoas no hemiciclo. Ainda assim, este ano, a Associação 25 de Abril vai organizar um desfile que juntará populares e partidos junto à Assembleia da República.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de