Forças Armadas Portuguesas aumentaram 1007 efetivos, totalizando 27.741 em 2021

O Ministério da Defesa afirma que este aumento consolida o que tem vindo a ser feito desde 2019.

As Forças Armadas Portuguesas cresceram 1007 efetivos em 2021, num total de 27.741 efetivos, excluindo militares na reserva fora da efetividade de serviço, com as candidaturas a registarem igualmente um aumento, anunciou esta segunda-feira o Ministério da Defesa.

Em comunicado, este ministério avança que este aumento consolida um crescimento desde 2019, ano em que o número de efetivos foi de 26.569 (26.734 e 2020).

As candidaturas em regime de voluntariado e regime de contrato foram, em 2021 de 10.492, sendo que já em 2020 estavam já acima das 10 mil, o que desde 2016 não acontecia.

Para o quadro permanente, prossegue a informação da Defesa, registaram-se, no ano passado, 3540 candidaturas, um número ligeiramente superior a 2020, ano em que já se tinha verificado um aumento superior a 25%, face a 2019.

Para o Ministério da Defesa, o aumento das candidaturas traduz "os resultados do esforço dos ramos das Forças Armadas e dos serviços do Ministério da Defesa Nacional, em termos da melhoria dos seus processos de comunicação e divulgação, mais intensos e assentes em instrumentos digitais, com o objetivo de aproximar a Defesa Nacional dos jovens".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de