Governo admite mais de 200 concelhos com restrições por elevados índices de Covid-19

Parlamento autorizou a renovação do estado de emergência, que permite medidas restritivas de combate à pandemia.

O ministro da Administração Interna admitiu, esta sexta-feira, que o número de concelhos com elevados níveis de contágio irá aumentar, passando as duas centenas, e adiantou que o Governo "continuará" a atuar numa lógica de diferenciação ao nível local.

Esta estimativa sobre o número de municípios com mais de 240 casos por cem mil habitantes nos últimos 15 dias foi apresentada por Eduardo Cabrita momentos antes de o Parlamento dar autorização à entrada em vigor do decreto presidencial para a prorrogação do estado de emergência em Portugal.

"O quadro que temos, de acordo com os dados disponíveis, indica que o número de municípios irá quase certamente ultrapassar as duas centenas. Por isso, é preciso continuar a fazer a diferenciação que desde sempre foi feita na adoção de medidas", declarou o ministro da Administração Interna.

Eduardo Cabrita referiu-se à recente evolução dos casos de Covid-19 por concelho em Portugal, dizendo que a 2 de novembro eram 121 os municípios colocados num quadro de aplicação de medidas mais restritivas.

"A 12 de novembro, esse quadro de restrições, já ao abrigo do estado de emergência, foi alargado para 191 municípios", referiu.

Na parte final da sua intervenção, Eduardo Cabrita afirmou que, no combate à covid-19, "infelizmente, há uma única certeza: Daqui a duas semanas, aqui estaremos novamente a discutir a prorrogação para um terceiro período do estado de emergência".

"É necessária a mobilização de toda a sociedade portuguesa, mas também a mobilização de todas as instituições, designadamente da Assembleia da República na sua competência legislativa, fiscalizadora e de voz de todos os portugueses num combate que travamos pela vida, pela liberdade e pela saúde", declarou.

LEIA TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de