Governo entrega na AR programa "reajustado" devido à guerra na Ucrânia

Foi a recém-empossada ministra Adjunta e dos Assuntos Parlamentares, Ana Catarina Mendes, quem entregou, em mãos, o documento a Augusto Santos Silva, presidente da Assembleia da República.

Ana Catarina Mendes, a nova ministra Adjunta e dos Assuntos Parlamentares, entregou, esta tarde, o programa do XXIII Governo de Portugal ao novo presidente da Assembleia da República, Augusto Santos Silva.

Numa curta declaração após a entrega do documento, Ana Catarina Mendes sublinhou que o Governo cumpriu com a intenção de entregar o programa assim que fosse empossado, para que o mesmo possa ser lido e discutido no Parlamento já na próxima semana.

A ministra referiu que o programa do Governo reflete os compromissos assumidos pelo Partido Socialista durante a campanha, procurando responder às "questões da pandemia e aos problemas dos portugueses", mas que sofreu atualizações, perante os efeitos que a guerra na Ucrânia, um fator que não estava previsto, terá também na realidade portuguesa.

"Depois de 24 de fevereiro, o mundo mudou e Portugal também", disse Ana Catarina Mendes, frisando que o programa do Governo procura agora também lidar com as "consequências económicas e sociais da guerra". Houve um "reajustamento" do programa, reforçou.

Voltando a abordar a questão da estabilidade e da necessidade de que o atual Executivo cumpra a legislatura na totalidade -- um assunto no qual o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, colocou ênfase, no seu discurso durante a cerimónia de posse, a ministra garantiu que o programa entregue se destina a uma legislatura "longa, de quatro anos e meio", para "servir os portugueses", com "estabilidade" assegurada. "[Vamos] cumprir aquilo a que nos propusemos" e [assumir] o compromisso para com os portugueses que confiaram em nós", declarou.

Ana Catarina Mendes remeteu mais detalhes sobre as medidas que compõem o programa para a apresentação que será feita, esta tarde, pela ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de