Governo vai fixar o preço máximo de referência do gás

Primeiro-ministro considera que "haverá grandes poupanças para as famílias e para as empresas".

O primeiro-ministro, António Costa, anunciou esta sexta-feira que, com a adoção de medidas adicionais para o mercado ibérico da energia, o Governo irá fixar o preço máximo de referência do gás.

Numa conferência de imprensa conjunta com o líder do Governo espanhol, o chefe do Executivo português, lembrou a particularidade da Península Ibérica.

"No Conselho Europeu, foi reconhecida a situação específica da Península Ibérica, que em matéria de energia, não é uma península, mas é uma ilha", considera.

Costa explica que o objetivo é "assegurar que o crescimento que está a ter o preço do gás, não se vai continuar a repercutir no preço da eletricidade", sublinhando que será adotada uma medida para "fixar o preço máximo de referência do gás".

Assim, segundo António Costa, "haverá grandes poupanças para as famílias e para as empresas".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de