Lugares no hemiciclo já estão distribuídos (pelo menos para a primeira sessão)

Grupos parlamentares têm todos lugar na fila da frente, deputados únicos ficam em segunda fila. Data para o primeiro plenário ainda não está agendada.

A geografia do hemiciclo está fechada, pelo menos para a primeira sessão. A conferência de líderes decidiu, sob proposta do Presidente da Assembleia da República, que todos os grupos parlamentares vão ter lugar na primeira fila e os deputados únicos - casos do Livre, Iniciativa Liberal e Chega - vão ter lugar na segunda fila.

Da esquerda para a direita, o Bloco vai manter a mesma posição que tinha, com três deputados na primeira fila. Segue-se o PCP com dois lugares na dianteira e um outro para os Verdes. A deputada do Livre, Joacine Katar Moreira, vai ficar com a segunda fila, atrás dos Verdes, entre PCP e Partido Socialista.

O PS soma oito lugares de primeira fila, sendo que o PAN vai ter dois lugares na dianteira entre a bancada socialista e a social-democrata.

A conferência de líderes decidiu ainda que depois dos seis lugares do PSD na fila da frente, vão estar dois deputados do CDS. Em segunda fila vão estar então os deputados do Iniciativa Liberal e do Chega, sendo que André Ventura fica no extremo-direito. Já João Cotrim Figueiredo fica entre o CDS e o PSD.

Estes vão ser os lugares na primeira sessão da nova legislatura, mas poderão não ser definitivos uma vez que a próxima Conferência de Líderes poderá decidir alterar a geografia do hemiciclo.

Desta reunião da conferência de líderes saiu ainda a decisão de eleger o Presidente da Assembleia da República e a mesa em simultâneo, em contraste com o que aconteceu na última legislatura, em que foram eleitos em separado.

Houve ainda um alerta do Presidente da AR: Ferro Rodrigues chamou a atenção sobre diplomas que aguardam publicação e que deve ocorrer antes da primeira sessão.

Ainda esta semana, depois da publicação dos resultados finais das eleições, deverá haver uma nova conferência de líderes com um ponto único na agenda: definir a data da primeira sessão do novo parlamento.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de