Maioria absoluta? Sócrates aconselha Costa a "não desmerecer a única que o PS teve"

Antigo governante pediu respeito sobre o que disse ser um "momento muito importante" conseguido em 2005.

O ex-primeiro-ministro José Sócrates aconselhou, esta sexta-feira, o atual secretário-geral do PS, António Costa, a "não desmerecer" a única maioria absoluta da história do PS se quer também essa conquista.

Em entrevista à CNN, explicou que "o único conselho que daria é que, para quem quer uma maioria absoluta", António Costa "talvez devesse começar por não desmerecer a única que o Partido Socialista teve na sua história", conseguida precisamente por Sócrates em 2005.

O antigo primeiro-ministro não quis, no entanto, tecer mais comentários sobre a campanha eleitoral em curso para as legislativas de 2022, que tem acompanhado "com muito interesse" mas reconheceu que as maiorias absolutas "são muito difíceis".

Questionado sobre o voto a 30 de janeiro, José Sócrates respondeu que vai votar "como sempre votou", mas afastou-se da direção socialista, com quem diz não ter relação.

"Não sou do Partido Socialista, não pertenço ao Partido Socialista, mas eu sou socialista", garantiu ainda.

LEIA AQUI TUDO SOBRE AS LEGISLATIVAS 2022

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de