Montenegro e os cem dias do Governo: "Mais parecem cem meses"

A primeira semana em funções do novo líder do PSD coincide com os cem dias do Governo de António Costa.

Para Luís Montenegro, os cem dias do novo Governo de António Costa, "mais parecem cem meses". O líder do PSD acusa os socialistas de "não conseguirem transformar estruturalmente o país", com os portugueses a empobrecerem e com "o estado caótico" do Serviço Nacional de Saúde.

Depois da primeira reunião do novo líder com o grupo parlamentar do PSD, Montenegro fala no "Governo de continuidade" de António Costa, que teve maioria absoluta em janeiro, "mas pouco mudou desde 2015.

"Não deixa de ser curioso que quando Portugal olha para estes cem dias, mais parecem cem meses, dado que o Governo é de continuidade e nada mudou com a maioria absoluta. Continuamos a ter um Governo que não é capaz de transformar estruturalmente o país e que não é capaz de suster a rota de empobrecimento e que os portugueses sentem cada vez mais no dia a dia", atirou.

Além do "caos" na saúde e do aumento dos custos de vida, Luís Montenegro lembra ainda a "trapalhada" com o novo aeroporto de Lisboa. Ainda assim, sobre o assunto, o presidente social-democrata garante que a decisão ainda não está tomada: ou acompanha o Governo ou apela à solução no Montijo, defendida por Pedro Passos Coelho.

"Em primeira mão, vou informar o primeiro-ministro sobre a nossa decisão, assim como os critérios para uma possível abertura de diálogo. Temos uma posição de responsabilidade para resolver algumas lacunas, quer aeroportuárias ou ferroviárias", disse.

Montenegro sublinha que o PSD "não vira as coisas ao país" apesar de estar na oposição, e promete uma reunião com o primeiro-ministro "para breve", eventualmente, antes da pausa dos trabalhos parlamentares em agosto.

Na próxima semana vai ser eleito o novo líder parlamentar do PSD, que substitui Paulo Mota Pinto, que sai a pedido da nova direção. Joaquim Miranda Sarmento, responsável pela moção de estratégia global de Montenegro, será o novo líder da bancada.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de