PAN relativiza projeções e espera "serenamente" pelos resultados

Ricardo Valente, da Comissão Política Nacional do partido, sublinha que o partido "já demonstrou que é útil à democracia portuguesa".

O dirigente do PAN Ricardo Vicente evitou este domingo comentar as projeções que colocam o partido num intervalo entre 0,2% a 3,7% nas legislativas, sublinhando que se aguarda "serenamente" os resultados finais das eleições.

"O apuramento final dos resultados ainda é prematuro. É verdade que temos sondagens, que já dão uma tendência de voto, mas é importante não esquecer que as sondagens, por vezes, não refletem o sentido de voto dos portugueses", afirmou.

Advertindo que é "importante" esperar pelos "resultados finais" destas legislativas, o dirigente do PAN vincou que o partido está "serenamente a aguardar" pelo final da noite eleitoral.

Ricardo Vicente, da Comissão Política Nacional do Pessoas-Animais-Natureza (PAN) e quarto da lista do partido pelo círculo de Lisboa, comentava as projeções das televisões na sala Fernando Pessoa do Centro Cultural de Belém (CCB), em Lisboa.

O dirigente do PAN frisou que o partido "já demonstrou que é útil à democracia portuguesa", esperando que, "seja qual for o resultado" das eleições, esta força política não deixe de estar no parlamento a defender as suas causas e valores.

"Já demonstrámos a nossa disponibilidade no passado para fazer passar as nossas causas e ideias e trabalhar em conjunto com todas as forças políticas para permitir que Portugal cresça e se desenvolva e ultrapasse esta fase difícil", acrescentou.

Este dirigente do PAN foi o primeiro a discursar no palanque instalado na sala Fernando Pessoa do Centro Cultural de Belém (CCB), em Lisboa, cerca de uma hora depois de a líder do partido, Inês Sousa Real, ter chegado ao local.

Acompanhada por 'meia dúzia' de elementos do partido, a porta-voz do PAN, depois de falar aos jornalistas, dirigiu-se à sala Fernando Pessoa para cumprimentar os cerca de 20 filiados e apoiantes e, posteriormente, para um outro espaço.

O ambiente era calmo e os presentes só se manifestaram para aplaudir e erguer as bandeiras do partido no final do discurso de Ricardo Vicente.

As projeções dos resultados eleitorais divulgadas por RTP, SIC, TVI e CMTV dão a vitória ao PS nas eleições legislativas de hoje, com entre 36,6% e 42,6% dos votos, seguindo-se o PSD, com entre 26,7% e 32,7%.

De acordo com as projeções, o Chega tem entre 3,8% e 8,5% enquanto a Iniciativa Liberal (IL) entre 3,5% e 8,5%. Bloco de Esquerda pode ter de 2,4% a 7% e a CDU de 2,5% a 6,8%.

O intervalo de projeções para o CDS-PP vão de 0,1% a 3,6%, enquanto para o PAN a variação é de 0,2% a 3,7%. Para o Livre, as projeções variam entre 0,2% e 3,7%.

LEIA AQUI TUDO SOBRE AS LEGISLATIVAS 2022

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de