População acima dos 60 anos vacinada até junho. Atrasos não alteram planos da task force

A partir da segunda fase do plano, os critérios para a vacinação serão exclusivos à idade, com uma "sequência etária pura".

A segunda fase do plano de vacinação já arrancou e 400 mil pessoas na faixa dos 65 aos 80 anos já foram vacinadas. O coordenador da task force, Henrique Gouveia e Melo, salienta que o objetivo é vacinar a população mais vulnerável "até à última semana de maio ou primeira de junho".

O vice-almirante Gouveia e Melo explicou na reunião do Infarmed que "quando vacinarmos toda a população acima dos 60 anos, estamos a proteger 96,4 por cento" dos mais vulneráveis, atendendo ao número de mortes por Covid-19.

Henrique Gouveia e Melo garantiu ainda que não existem alterações quanto ao fornecimento de vacinas. "Em abril teremos 1,9 milhões de vacinas para administrar à população portuguesa, uma quantidade substantiva comparando com os meses superiores", admitiu.

O responsável revelou que a task force está a ponderar juntar a fase 2 e fase 3 do plano de vacinação, "tendo em conta a disponibilidade de vacinas para fazer uma nova estratégia". Portugal prevê administrar 97 mil vacinas por dia.

A partir da segunda fase, os critérios para a vacinação serão exclusivos à idade, com uma "sequência etária pura".

Os docentes e não-docentes que ainda não foram vacinados vão receber a vacina no próximo fim de semana, completando o objetivo de, além de salvar vidas, "conferir resiliência à resposta do Estado". O processo de inoculação dos professores sofreu um atraso de uma semana, devido às restrições introduzidas na utilização da vacina da AstraZeneca.

Gouveia e Melo reforça que Portugal vai vacinar 70 por cento da população com pelo menos uma dose até setembro. O coordenador do plano lembra que, nesta altura, a task force está a automatizar um sistema eletrónico para agendamento da vacinação.

Já foram administradas cerca de dois milhões de doses da vacina em Portugal, com 15 por cento da população com a primeira dose e seis por cento com a totalidade da imunidade.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de