"Probabilidade de o PSD ganhar é mais elevada do que a do PS"

Rui Rio fez uma arruada em Coimbra.

Rui Rio voltou a afirmar que não está à espera que nenhum partido tenha maioria absoluta nestas eleições legislativas, mas acredita que o PSD tem mais probabilidade de ganhar do que o PS.

"Dá-me ideia que isto está bastante equilibrado e é muito difícil dizermos quem vai ganhar. Não sou político, sou mais profissional de eleições e sinto que a probabilidade do PSD ganhar é mais elevada do que a do PS. É pelo que vejo na rua e que outras pessoas veem e me dizem. Quanto às sondagens, estou à espera que me deem razões para acreditar em alguma delas", explicou o líder do PSD durante uma arruada em Coimbra, esta sexta-feira.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, dissolveu o Parlamento e convocou eleições legislativas antecipadas para 30 de janeiro na sequência do chumbo do Orçamento do Estado para 2022 na generalidade, que teve apenas votos a favor do PS e a abstenção do PAN.

Esta é a 17.ª vez que os portugueses são chamados a votar em legislativas em democracia, contando com as eleições para a Assembleia Constituinte, em 1975.

Além de PS, PSD, BE, CDU (PCP/PEV), CDS-PP, PAN, Chega, Iniciativa Liberal e Livre - partidos que conseguiram representação parlamentar nas legislativas de outubro de 2019 -, concorrem às eleições de 30 de janeiro outras 12 forças políticas, num total de 21.

Os outros partidos concorrentes são: Aliança, Ergue-te (ex-PNR), Alternativa Democrática Nacional (ex-PDR), PCTP-MRPP, PTP, RIR, MPT, Nós, Cidadãos!, MAS, JPP, PPM e Volt Portugal, que se estreia em legislativas.
Mais de 10 milhões de eleitores residentes em Portugal e no estrangeiro constam dos cadernos eleitorais para a escolha dos 230 deputados à Assembleia da República.

LEIA AQUI TUDO SOBRE AS LEGISLATIVAS 2022

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de