PSP participa ao Ministério Público insultos de negacionistas a Ferro Rodrigues

Presidente da Assembleia da República foi insultado por negacionistas da Covid-19 este fim de semana, enquanto almoçava num restaurante.

A Polícia de Segurança Pública (PSP) confirmou esta segunda-feira à TSF que vai participar ao Ministério Público os insultos proferidos por um grupo de negacionistas da Covid-19 a Eduardo Ferro Rodrigues enquanto o presidente da Assembleia da República almoçava com a mulher, Maria Filomena de Aguilar, no sábado, num restaurante em Lisboa.

Os manifestantes protestaram sob o mote "Pelas nossas crianças - Rumo à Liberdade" junto à Assembleia da República e dirigiram-se a Ferro Rodrigues com insultos como "assassino" e "ordinário" e gritaram palavras de ordem como "ditadura não, liberdade sim".

Apesar dos insultos, Ferro Rodrigues, de 71 anos, não respondeu aos manifestantes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de