Santana quer construir mais um túnel no centro de Lisboa

O cabeça de lista social-democrata à câmara de Lisboa anunciou, esta quarta-feira, a intenção de construir mais um túnel na cidade, na apresentação da sua candidatura que juntou Manuela Ferreira Leite e Paulo Portas.

Pedro Santana Lopes defendeu o «desnivelamento do eixo central» da cidade na zona do Saldanha com um túnel que ligará a Avenida Fontes Pereira de Melo aos túneis do Campo Grande e do Campo Pequeno.
 
«É uma obra que é mais simples do que a outra até porque temos a certeza de que quem embargou a outra não vai embargar esta», afirmou, referindo-se ao túnel do Marquês e à providência cautelar interposta por José Sá Fernandes.
  
O antigo primeiro-ministro apresentou também outras propostas antigas que tinha para Lisboa, como a construção do Parque Mayer pelo arquitecto Frank Guerry.

Construir uma nova Feira Popular, com o financiamento do Casino, foi outra medida avançadas pelo social-democrata, que exigiu a extinção da Sociedade Frente Tejo.

Santana Lopes responsabilizou ainda o actual presidente da câmara de Lisboa, o socialista António Costa, pelo passivo da autarquia.

Santana Lopes lançou a sua candidatura junto ao Jardim do Arco do Cego, onde estiveram presentes a líder do PSD, Manuela Ferreira Leite, e o líder do CDS-PP, Paulo Portas, entre outras figuras dos dois partidos. 

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de