Santos Silva fala em situação "dramática" a todos os níveis na Venezuela

Ministro dos Negócios Estrangeiros garantiu também que Portugal ainda não tomou uma decisão sobre a vacina Sinovac, fabricada na China, e da AstraZeneca fabricada na Índia.

No final de um encontro em Lisboa, Augusto Santos Silva revelou que o ministro espanhol dos Negócios Estrangeiros, José Manuel Albares, mostrou-se preocupado com o impasse político na Venezuela, com graves consequências no país.

"A Venezuela está numa situação humanitária, social e económica e social dramática, mas não por razões económicas, é por impasse político e institucional. É necessário que os venezuelanos consigam uma solução política interna pacífica para a sua crise política. Portanto, acredito que Portugal e Espanha apoiam sempre aqueles que procuram um diálogo, compromisso e entendimento", revelou Augusto Santos Silva em declarações aos jornalistas.

O ministro português garantiu que Portugal ainda não tomou uma decisão sobre a vacina Sinovac, fabricada na China, e da AstraZeneca fabricada na Índia, mas esclareceu que não há qualquer decisão política em causa, apenas puramente científica.

"Reconhecemos vacinas por fundamentos exclusivamente científicos e técnicos, alinhando as nossas decisões com a Agência Europeia do Medicamento. Quando a Agência Europeia do Medicamento ou o Ministério da Saúde português entenderem que estão reunidas as condições para aprovação de mais vacinas além das quatro que estão já aprovadas, essa aprovação acontecerá. Não é uma questão política, é puramente técnica e científica", acrescentou o ministro dos Negócios Estrangeiros.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de