Saúde

Doentes com Alzheimer vão poder usar pulseiras em 2015

A ideia é aproveitar o que já está a ser feito com a pulseira "Estou Aqui", usada pelas crianças nos meses de verão, e alargar este projeto aos portadores de Alzheimer durante todo o ano.

Os doentes com Alzheimer vão poder usar pulseiras a partir de 2015 para serem localizados, aproveitando o que já está a ser feito com a pulseira "Estou Aqui", usada pelas crianças nos meses de verão, noticia o jornal Público.

PUB

O objetivo da PSP e da Associação de Familiares e Amigos de Doentes com Alzheimer é alargar este projeto aos portadores de Alzheimer durante todo o ano.

Em declarações à TSF, o subcomissário João Moura explicou que se trata de uma «pulseira única, pessoal e intransmissível dotada de um código alfanumérico» que permite um «contacto mais célere, direcionado e objetivo» quando for perdida.

«Caso uma pessoa com Alzheimer se perca e se afaste do seu local de segurança, a PSP estará mais disponível para a encontrar via 112, sendo que os dados são confidenciais e apenas geridos pela autoridade policial», explicou.