A pandemia "que está para durar", os avisos da PSP sobre passeios e outros destaques TSF

No dia em que se assinala um ano de pandemia em Portugal, a TSF discutiu o presente e o futuro sem esquecer o passado. É que hoje também é dia de aniversário: são 33 anos a ir ao fim da rua e ao fim do mundo.

Um ano depois do início da pandemia de Covid-19 em Portugal, na TSF discutiu-se que futuro nos trazem a saúde e a ciência. A pandemia, que "está para durar" obriga a uma colaboração entre as duas áreas: "Será a única maneira de sobreviver, de lutar contra outras pandemias."

Como o combate ao vírus está para durar, a PSP deixou também, esta segunda-feira, um recado: os passeios são para evitar e, se houver "grandes aglomerados", há locais que vão ter de encerrar.

Por Bruxelas prepara-se um livre passe numa lógica de algo mais do que apenas passeios. A Comissão Europeia está a preparar proposta de lei para criar um documento que ateste a imunidade à Covid-19. Von der Leyen quer a proposta pronta "em março" para que, em três meses, possa estar em vigor.

Em Lisboa, o ministério da Administração Interna autorizou a instalação de 216 câmaras de videovigilância em 16 zonas da cidade. Está também autorizada a gravação de som em casos de perigo iminente. Fique a saber onde vão ser colocadas as câmaras:

Em dia de aniversário da TSF - já lá vão 33 anos - foram muitos os que quiseram deixar os seus parabéns. Abaixo ficam as mensagens de Manuela Ferreira Leite e Ana Gomes. Pode ver todas as que a rádio que mudou a rádio recebeu aqui.

Por Montalegre trava-se uma já clássica batalha entre ser humano e natureza. Há javalis a destruir as culturas e os agricultores da zona sentem que não tem sido feito o suficiente para controlar as populações. Nas palavras de quem está no terreno, os animais "comem e bebem à tripa forra". No fim, "nós é que pagamos".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de