Aberta a corrida à liderança dos partidos, o apartheid de Israel na Palestina e outros destaques TSF

Destaque também para a morte do ator Moses J. Moseley, conhecido por fazer parte do elenco da série "The Walking Dead", aos 31 anos.

O processo para o anúncio da formação do novo executivo deverá estar concluído "na semana que se inicia a 20 de fevereiro", avançou o gabinete do primeiro-ministro através de um comunicado enviado às redações. No documento rejeita qualquer especulação sobre o processo e a composição do novo Governo.

Já na tarde desta terça-feira, arrancam as audiências do Presidente da República com os partidos para indigitar o primeiro-ministro de Portugal. Marcelo Rebelo de Sousa, vai ouvir entre esta terça e quarta-feira os oito partidos que conseguiram representação parlamentar nas legislativas de domingo,. Acompanhe tudo na TSF.

No mesmo sentido, os partidos já começaram, esta terça-feira, a planear o futuro. No CDS, Nuno Melo admitiu candidatar-se à liderança do CDS para recuperar o partido depois de um resultado "trágico" nas eleições legislativas do último domingo.

No caso do PSD, Salvador Malheiro admitiu, no Fórum TSF, que "poucos reúnem as condições que Montenegro reúne" para liderar PSD.

A manhã ficou ainda marcada pelo recado que Boaventura de Sousa Santos deixou a Catarina Martins nas páginas do Público: "Obviamente, demita-se!". Após perder 14 deputados nas Legislativas 2022, o sociólogo pede uma nova liderança para o Bloco de Esquerda. Entrevistado esta terça-feira na Manhã TSF, o professor universitário reconhece que "os políticos também se enganam, porque são humanos".

Pela primeira vez, Amnistia Internacional, denuncia a prática de apartheid e quer ver Israel julgado por crimes contra a humanidade, depois de um trabalho de cinco anos. Para Pedro Neto, diretor da Amnistia Internacional Portugal, na linha do que a organização recomenda internacionalmente, diz que "são atos de opressão prolongada e institucionalizada que apontam sempre para as mesmas pessoas, ou seja, os palestinianos, seja lá qual for a sua realidade e o seu estatuto, isto é, sejam da Cisjordânia, da Faixa de Gaza, ou morem até em Jerusalém Oriental. Ouça a entrevista na íntegra.

A manhã desta terça-feira também ficou marcada pela morte de Moses J. Moseley. O ator de 31 anos, conhecido por fazer parte do elenco da série "The Walking Dead", foi encontrado morto na semana passada com um ferimento de bala na cabeça, avança a imprensa internacional.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de