Alcochete recebe novo aeroporto de Lisboa em 2035, Salah Abdeslam condenado a perpétua em Paris e outros destaques TSF

Plano do Governo passa por, numa primeira fase, ter o Montijo a trabalhar como estrutura de apoio ao aeroporto Humberto Delgado.

Está escolhida a solução para o futuro aeroportuário de Lisboa: primeiro o Montijo, depois Alcochete e, por fim, o fecho do aeroporto Humberto Delgado. O Governo quer o Montijo a funcionar até 2026, mas primeiro é precisa uma avaliação ambiental estratégica.

O Presidente da República, que ainda não conhece o processo, vai ficar à espera para perceber se precisa de intervir, mas espera que, entretanto, o primeiro-ministro lhe forneça os "contornos concretos" do projeto.

Na reação à decisão do executivo, os partidos - à exceção do PS - mostraram-se unidos no desagrado.

O principal acusado pelos ataques terroristas de 2015 em Paris, Salah Abdeslam, foi condenado a prisão perpétua.

Feitas as contas, não muda nada: FC Porto, Sporting e Benfica não vão ter mais nem menos títulos de campeões nacionais depois de a assembleia geral da Federação Portuguesa de Futebol ter chumbado todos os pareceres que podiam alterar a história.

Da conferência da NATO, em Madrid, saiu uma declaração que identifica a Rússia como a "ameaça mais significativa e direta à segurança dos Aliados e à paz e estabilidade na área euro-atlântica".

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Finlândia, que está prestes a entrar na NATO, destacou na TSF que o país atravessa um "momento importante". Leia a entrevista com Pekka Haavisto.

Com os concursos para médicos especialistas a não conseguirem responder a todas as necessidades do Sistema Nacional de Saúde, a ministra Marta Temido reconheceu que o Governo espera conseguir encontrar respostas na contratação direta.

Na Assembleia da República, Augusto Santos Silva recusou uma proposta do Chega para discutir o restabelecimento da prisão perpétua. O momento deu origem a uma discussão entre Ventura e o presidente da Assembleia da República.

No dia em que a reforma das ordens profissionais voltou a ser debatida no Parlamento, os bastonários ouvidos pela TSF intensificaram as críticas às propostas dos partidos.

Recebeu uma mensagem com remetente "EDPCOM" que exige a liquidação de uma alegada dívida à EDP? Não abra: é burla.

Com Paula Rego "nunca havia tédio, ela era o oposto de uma pessoa chata". É assim que José Manuel dos Santos, antigo assessor cultural de Jorge Sampaio, guarda retratos da pintora. Leia e ouça a entrevista:

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de