Alunos de colégio de Gondomar "estão todos bem" e sem sintomas de intoxicação

Todos os alunos tiveram alta.

A direção do Colégio Paulo VI, de Gondomar, disse este sábado que não se confirmaram as suspeitas de intoxicação alimentar, assim como não foi detetada nenhuma causa para os sintomas que levaram na sexta-feira um grupo de alunos ao hospital.

"Após os alunos terem sido examinados no Hospital São João, no Porto, e pelo relatório médico apresentado, não houve intoxicação alimentar e não se detetou nenhuma causa para estes sintomas", afirma a direção do colégio, em comunicado enviado à Lusa.

De acordo com a mesma nota, "todos os alunos tiveram alta e encontram-se bem". Nove alunos do Colégio Paulo VI deram entrada na sexta-feira no Hospital São João com suspeitas de intoxicação alimentar.

Os alunos do 4.º ano ter-se-ão sentido mal ao início da tarde, na aula de Educação Física, tendo sido requisitada a presença do INEM para uma primeira avaliação. De acordo com a direção do colégio, "alguns alunos tinham almoçado em casa e, dos que almoçaram no colégio, uns tinham comido o prato de carne e outros o prato de peixe, pelo que, à partida, não seria uma intoxicação alimentar".

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados