APRITEL defende que preços das telecomunicações baixaram no último ano

A Associação dos Operadores de Comunicações Eletrónicas (APRITEL) defende-se assim das conclusões da Anacom, que indicam que os preços das telecomunicações aumentaram em Portugal entre janeiro e julho de 2021.

O presidente da APRITEL considera que "é importante comunicar com transparência" ao mercado das telecomunicações. É dessa forma de Pedro Mota Soares reage às conclusões do relatório da Anacom, justificando que as operadoras baixaram o preço das comunicações em pacote em 1,4% no último ano.

Pedro Mota Soares defende que se deve olhar para o mercado "não na dimensão do mês, mas na dimensão dos últimos 12 meses" e aponta para essa descida do preço no que "os portugueses mais consomem" - os pacotes de internet, televisão e telefone.

O presidente da APRITEL afirma que esta é "uma redução com muito significado" e contrapõe as conclusões do relatório da Anacom, que revela que os preços das telecomunicações em Portugal subiram 1,9% em Portugal, entre janeiro e julho deste ano.

Para além disso, o regulador das comunicações diz ainda que, entre o final de 2009 e julho de 2021, os preços das telecomunicações aumentaram 8,4% em Portugal. Algo que vai em sentido contrário ao que se passa em alguns países europeus. Em França, os preços das telecomunicações caíram 22,1%, em Itália 17,1% e em Espanha cederam também, neste caso 8,7%.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de