As apostas de Rio para as legislativas, Espanha aprova vacinação de crianças e outros destaques TSF

A OMS Europa considera que a vacinação obrigatória deve ser vista como um remédio de "último recurso absoluto".

Entre os assuntos que marcaram a manhã desta terça-feira estão as listas do PSD para as eleições legislativas. Sofia Matos será cabeça de lista do PSD pelo Porto e o deputado e médico Ricardo Baptista Leite por Lisboa. Rui Rio volta a não ser primeiro candidato em qualquer distrito.

Em Espanha, foi aprovada a vacinação de crianças entre os cinco e os 11 anos. A campanha terá início a 15 de dezembro e a segunda dose da vacina será administrada oito semanas depois da primeira.

Perante a evolução da pandemia de Covid-19, a OMS Europa apelou a uma melhor proteção das crianças dos 5 aos 14 anos, atualmente a faixa etária mais afetada. Hans Kluge, considerou a vacinação obrigatória, decidida ou considerada por alguns países, como um remédio de "último recurso absoluto".

Destaque também para José Carlos Costa Barros que venceu o Prémio Leya 2021 com a obra "As Pessoas Invisíveis". O anúncio foi feito depois de dois dias de reuniões do júri ao qual presidiu Manuel Alegre.

No futebol, os portugueses Rúben Dias e Cristiano Ronaldo integram o melhor 'onze' de 2021 da Federação de História e Estatística do Futebol (IFFHS), com a Itália, campeã europeia, a ser o país mais representado. Ronaldo, que a meio do ano trocou a Juventus pelo Manchester United, repete a presença nas escolhas da IFFHS e no ataque tem a companhia do polaco Robert Lewandowski e do francês Kylian Mbappé.

Por fim, o IPMA colocou cinco distritos do continente sob aviso amarelo devido à previsão de chuva e agitação marítima. Dois dos cinco distritos estarão sob aviso amarelo por causa da precipitação e outros dois atendendo à queda de neve. Portugal continental vai ser afetado, a partir desta terça-feira, pelos efeitos colaterais da passagem da depressão Barra.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de