"Até haver vacina, isto vai durar." DGS avisa que pandemia não se resolve em 15 dias

A diretora-geral da Saúde pede à população para que não baixe os braços e continue ativa na resposta à Covid-19.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) alerta que a pandemia de Covid-19 ainda deverá perdurar por muitos meses. As autoridades de saúde voltaram a apelar aos portugueses para que se mantenham em casa e respeitem o distanciamento social.

Este domingo, na conferência de imprensa diária da DGS e do Ministério da Saúde, a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas lembrou que o país não pode desmobilizar, porque a luta contra o vírus ainda agora começou.

"Até haver uma vacina, isto vai durar", sublinhou. "Vamos tentar baixar o trabalho e a pressão do vírus, que vai tentar replicar-se entre as pessoas. Já percebemos que é muito inteligente."

Graça Freitas frisou que os portugueses têm de compreender que o país está ainda no início do percurso do surto do novo coronavírus.

"Temos todos de contrariar a dinâmica do vírus. Até que haja uma vacina não podemos ficar descansados",referiu, apontando que esta situação não irá durar apenas 15 dias, nem sequer até três meses.

Foram confirmadas, até ao momento, 119 mortes por Covid-19 e, nas últimas 24 horas, foram detetados 792 novos casos de contágio, elevando para 5962 o número de pessoas infetadas pela doença, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde.

LEIA AQUI TUDO SOBE A PANDEMIA DE COVID-19

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de