Autarca de Macedo de Cavaleiros pede coimas para quem desrespeitar lotação de praias fluviais

O autarca Benjamim Rodrigues diz que é difícil convencer alguns banhistas a respeitarem as normas.

O Presidente da Câmara de Macedo de Cavaleiros quer que os banhistas que recusam ficar à porta das praias fluviais depois de cumprida a lotação máxima sejam multados e conta que a GNR reforce a vigilância já este fim de semana. A procura por estas praias é muita, mas o espaço está mais reduzido por causa da pandemia e, de acordo com o Jornal de Notícias, a GNR já foi chamada a intervir.

Em entrevista à TSF, o autarca Benjamim Rodrigues diz que é difícil convencer alguns banhistas a respeitarem as normas: "Eu pedi que multassem as pessoas, porque por vezes temos uma dificuldade que é a adesão a um comportamento cívico responsável e eu pedi que houvesse coimas."

Ainda assim, Benjamim Rodrigues acredita ser necessário fazer "um apelo talvez nacional para que as pessoas não venham para o nosso território em massa".

LEIA AQUI TUDO SOBRE A COVID-19

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de