"Risco para a segurança." Trânsito na Marginal condicionado entre São Pedro e Parede

A decisão da Câmara Municipal de Cascais deve-se ao estado de degradação do muro.

A circulação rodoviária está condicionada na Avenida Marginal, no sentido Cascais-Lisboa por prevenção. A decisão foi tomada pela Câmara de Cascais e pela Infrastruturas de Portugal, após uma análise técnica no local. A faixa da direita foi cortada, mantendo-se a circulação na faixa esquerda.

"Após uma atenta análise local e com o suporte técnico de pareceres do serviço Municipal de Proteção Civil verificou-se que há um risco objetivo para a segurança para quem circula naquela importante artéria. Além disso as condições meteorológicas com previsão de chuva para os próximos dias poderão dada a situação precária do paredão, criar situações de elevada perigosidade na segurança rodoviária", lê-se num comunicado enviado à TSF.

A autarquia justifica a decisão com o facto de estarem previstas condições meteorológicas adversas, como chuva, que, segundo a câmara liderada por Carlos Carreiras, "pode criar situações de elevada perigosidade na segurança rodoviária".

"Portugal tem um histórico de facilitismo que está na origem de graves acidentes inclusivamente com perdas de vidas e, face à análise técnica e da observação local, a Câmara Municipal de Cascais não podia ficar de braços cruzados à espera que nada sucedesse", constata o Presidente da Câmara, num comunicado enviado à TSF.

Notícia atualizada às 8h44 de 19 de novembro de 2019

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados