Câmaras de infravermelhos vão medir temperaturas nos aeroportos portugueses

Medida de rastreio já está a funcionar no Aeroporto de Lisboa para evitar contágio de Covid-19.

Os aeroportos portugueses vão passar a ter equipamentos para medir a temperatura. A decisão foi anunciada esta sexta-feira pela empresa ANA - Aeroportos de Portugal que diz que pretende assim cumprir as decisões do Governo em época de estado de emergência.

Os novos equipamentos vão ser instalados primeiro em Lisboa, onde começam a funcionar já hoje, e depois no Porto, Faro, Madeira e Ponta Delgada.

A avaliação da temperatura será feita numa primeira fase por câmaras de infravermelhos, com a ANA a referir que este tipo de equipamento permite alguma fluidez na circulação, diminuindo na medida do possível o transtorno dos passageiros que chegam aos aeroportos.

Depois, se algum passageiro tiver uma temperatura elevada será levado para segundo rastreio feito por uma equipa de técnicos de saúde numa área reservada, "procedendo a um inquérito e atuando de acordo com os procedimentos médicos exigidos".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de