Centro de Reabilitação do Sul reabilita doentes Covid-19 de todo o país

Os pacientes que ficam muito tempo em cuidados intensivos perdem as suas funções básicas e têm que reaprender tudo.

O Centro de Medicina Física e Reabilitação do Sul (CMFR Sul), que habitualmente trabalha na recuperação de doentes que têm um Acidente Vascular Cerebral ou politraumatizados, vai ter uma unidade com 25 camas para recuperação de doentes covid.

Alguns destes doentes, como diz a administradora do Centro Hospitalar e Universitário do Algarve (CHUA), ao qual pertence este centro, precisam de reaprender os seus gestos diários." Nomeadamente a sua capacidade motora".

"Podem ter alterações também na fala ou na deglutição pelo tempo de intubação que tiveram", afirma Ana Castro. Todos esses gestos e funções têm que ser reaprendidas aos poucos.

Pedro Almeida, fisioterapeuta, está ao lado de uma doente que faz exercício na passadeira. Lembra que quando ali chegou esta paciente não conseguia fazer funções básicas. " Apresentava uma fadiga fácil e problemas respiratórios", recorda.

A paciente esteve internada nos cuidados intensivos do Hospital de Faro e está agora a recuperar no Centro de Medicina Física e Reabilitação do Sul, situado em S. Brás de Alportel.

Para esta unidade podem ser referenciados doentes covid de todo o País."Vamos ter 25 camas e desde que necessitem podemos receber doentes de qualquer parte do País e não só do Algarve", garante Ana Castro.

LEIA AQUI TUDO SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de