Cervejaria Galiza fecha portas. Trabalhadores esperam solução

São 30 os trabalhadores que vão agora para o desemprego. Esperam que novos proprietários os voltem a contratar.

A cervejaria Galiza encerra portas a partir desta terça-feira. O espaço emblemático da cidade do Porto declarou falência a 4 de junho e os trabalhadores não conseguiram chegar a um acordo com o admnistrador de insolvência.

"Os trabalhadores estão desanimados e tristes por este desfecho", diz Nuno Coelho, do Sindicato dos Trabalhadores da Industria de Hotelaria, Turismo, Restaurantes do Norte sobre a situação dos 30 trabalhadores que vão agora para o fundo de desemprego.

"Vamos aguardar pelo dia 4 de agosto pela assembleia de credores para saber se o novos investidores - porque há interessados - voltam a contratar os funcionários", diz o sindicalista.

"Os trabalhadores estiveram a lutar pelos postos de trabalho desde novembro. Mesmo durante este período de pandemia não puderam recorrer nenhum dos apoios que o Governo anunciou, e estiveram sempre ali a trabalhar, lembra Nuno Coelho

A proprietária da cervejaria continua em silêncio desde março quando do Início da pandemia.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de