Chuva intensa provocou 65 inundações nos distritos de Évora e Portalegre

O concelho de Évora foi a zona mais afetada, com 25 das ocorrências.

A chuva intensa que caiu esta sexta-feira no Alentejo provocou 65 inundações, até às 20h00, em vias públicas e habitações, nos distritos de Évora e de Portalegre, tendo deixado cinco desalojados em Évora, disseram fontes da Proteção Civil.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora disse hoje de manhã à agência Lusa que a forte precipitação que caiu de madrugada deixou cinco pessoas desalojadas temporariamente em Évora, na sequência de uma inundação na habitação onde residiam.

No distrito de Évora, segundo o CDOS, ocorreram 35 inundações, tendo o concelho de Évora sido a zona mais afetada, com 25 destas ocorrências. No concelho de Estremoz registaram-se também sete inundações.

O alerta para a inundação que provocou os desalojados, de acordo com o CDOS, foi dado às 04h50 na sequência da forte precipitação que originou o transbordo de uma ribeira junto da habitação onde residiam as cinco pessoas, localizada na Rua da Esperança à Comenda, em Évora.

"A ribeira galgou as margens e abriu um buraco na parede da habitação", adiantou a fonte do CDOS.

Segundo o CDOS de Portalegre, no distrito ocorreram 30 inundações, sem causarem danos pessoais, tendo o concelho de Elvas, onde o caudal de uma ribeira arrastou dois veículos sem ocupantes, sido um dos mais afetados.

Segundo as mesmas fontes, nestes dois distritos registaram-se ainda outras pequenas ocorrências provocadas pelo mau tempo.

Já no distrito de Beja, de acordo com o CDOS, não houve registo de ocorrências.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de