Dadores de sangue já podem agendar dádiva no site do IPO de Lisboa

O objetivo é aumentar o número de dadores e de dádivas para poder fazer face "às necessidades crescentes" do IPO de Lisboa.

Os dadores de sangue já podem a agendar a sua dádiva diretamente no site do Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa, através de uma nova funcionalidade lançada hoje pelo hospital, que pretende ultrapassar as 20 doações por dia.

"No Dia Mundial do Dador de Sangue queremos realçar mais uma vez a importância da doação de sangue total e de componentes por aférese na nossa Instituição, com o objetivo ultrapassar as 20 doações por dia", afirma em comunicado a diretora do Serviço de Imunohemoterapia (SIH) do Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil, Dialina Brilhante.

O objetivo, adianta Dialina Brilhante, é aumentar o número de dadores e de dádivas para poder fazer face "às necessidades crescentes" do IPO de Lisboa: "cerca de 1.700 doentes, 9 mil concentrados de eritrócitos e entre 15 a 20 mil concentrados de plaquetas".

A nova funcionalidade disponível no 'site' do Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil, lançada no Dia Mundial do Dador de Sangue, visa agilizar o processo da doação e evitar concentrações no serviço.

"No atual contexto pandémico é importante agilizar todo o processo da dádiva de sangue, evitando assim que os dadores se concentrem no serviço, e, por isso, esta ferramenta é uma mais-valia que vem facilitar todo este processo e ao mesmo tempo permite ao dador gerir a deslocação para a sua dádiva de acordo com a sua disponibilidade", refere o instituto em comunicado.

Através da nova funcionalidade, disponível em: www.ipolisboa.min-saude.pt, os dadores podem agendar a sua dádiva diretamente, respondendo a um breve questionário e se preencher todos os critérios para realizar a dádiva de sangue será reencaminhado para o calendário de agendamentos.

"Aqui só terá de escolher o dia e hora que mais lhe convém para se deslocar ao Serviço de Imunohemoterapia (SIH) do IPO Lisboa para fazer a sua dádiva de sangue", refere o instituto, explicando que, se por algum motivo, o dador tiver de alterar essa data, "também é simples reagendar a data", bastando seguir o link que se encontra no email que recebeu com a confirmação do agendamento.

Com a pandemia Covid-19, o SIH adaptou-se para continuar a receber os dadores em segurança. Em 2020, o serviço recebeu 3.631 dadores sendo que, destes, 1.696 foram novos dadores, e registou 4.312 dádivas.

"Queremos continuar a contar com os dadores regulares e lembrar os mais jovens que a dádiva de sangue ou de componentes é um dever de cidadania e um gesto de generosidade e de solidariedade que permite salvar vidas", salienta a médica Dialina Brilhante.

O IPO trata doentes -- adultos, jovens e crianças -- com cancro, que precisam de transfusões devido à sua doença ou ao seu tratamento (cirurgia, quimioterapia, radioterapia, transplante de medula).

No IPO Lisboa, o dador pode dar sangue total e componentes por aférese e, ao fazer a sua dádiva, também pode inscrever-se como dador de medula.

O Serviço de Imunohemoterapia do IPO Lisboa funciona de segunda a sexta, entre as 09h00 e as 16h00, e ao sábado, das 09h00 às 11h00, no piso 2, do Pavilhão de Rádio, tendo estacionamento reservado e gratuito para os dadores.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de