Dez distritos sob aviso laranja devido a forte agitação marítima

Os distritos de Aveiro, Beja, Braga, Coimbra, Faro, Leiria, Lisboa, Porto, Setúbal, Viana do Castelo estão sob aviso laranja até às 21h00 deste sábado.

Dez distritos do continente estão este sábado sob aviso laranja devido à previsão de forte agitação marítima, em alguns casos com ondas a poderem atingir os 11 metros de altura, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Os distritos de Aveiro, Beja, Braga, Coimbra, Faro, Leiria, Lisboa, Porto, Setúbal, Viana do Castelo estão sob aviso laranja até às 21h00 deste sábado devido à previsão de ondas de noroeste com cinco a seis metros que podem atingir uma altura máxima de 10 a 11 metros.

Para a próxima noite e até às 07h00 de domingo, o aviso baixa para amarelo, estando previsto um ligeiro abrandamento da agitação marítima, cujas ondas deverão ficar-se pelos quatro a cinco metros de altura.

O arquipélago da Madeira encontra-se também hoje sob aviso amarelo, prevendo-se forte agitação marítima na costa norte e na ilha do Porto Santo até às 06h00 de segunda-feira, com possibilidade de ondas até cinco metros de altura.

O arquipélago está sob aviso amarelo também devido à previsão de vento e chuva forte.

Na costa norte e nas regiões montanhosas, são esperados aguaceiros por vezes fortes durante a tarde de domingo, até às 21h00.

O vento forte deverá atingir todo o arquipélago, com rajadas que podem chegar aos 95 km/hora, até ao início da tarde de domingo e, no caso das regiões montanhosas, até às 00h00 de segunda-feira.

Também no continente há avisos amarelos devido à previsão de vento forte, como é o caso dos distritos de Coimbra, Faro, Leiria e Lisboa, com o IPMA a prever rajadas que poderão chegar aos 85 km/hora.

O aviso laranja é o segundo mais grave e representa uma situação meteorológica de risco moderado a elevado.

Já o aviso amarelo é emitido pelo IPMA sempre que a situação meteorológica representa risco para determinadas atividades.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de