Dia Mundial do Alzheimer assinalado com livro de fotografias e peddy-paper em Lisboa

A iniciativa tem o propósito de "sensibilizar a população para a problemática da doença".

A propósito do Dia Mundial do Alzheimer, assinalado esta terça-feira, foi lançado um livro com as 25 melhores imagens de um concurso de fotografia e um peddy-paper para as encontrar, através de QR Code, em várias lojas da baixa de Lisboa.

Em parceria com o Instituto Português de Fotografia, a ação da Ricoh Portugal intitulada de "Uma memória para nunca mais esquecer... O passado foi memorável, o futuro é digital" tem como objetivo "sensibilizar a população para a problemática da doença", bem como "ajudar na pesquisa da cura".

"Como as memórias são o mais importante para todos e o futuro é digital, a Ricoh, em parceria com a Associação de Dinamização da Baixa Pombalina, desafia todos os interessados a participarem num Peddy-Paper por várias lojas. Os participantes, sempre que desvendarem um enigma encontram a localização das imagens finalistas do concurso, que podem ser vistas através de um QRCode", pode ler-se em comunicado.

Qualquer pessoa poderá participar nesta exposição virtual, que estará disponível até ao dia 1 de outubro. A primeira pista poderá ser encontrada no My Story Hotel Figueira, na Praça da Figueira.

A Ricoh também já entregou os prémios aos três vencedores do concurso: uma máquina fotográfica Ricoh Theta que capta imagens a 360º (1.º prémio) a Filipe Salgado, com a foto "O Encontro", um curso de fotografia no IFP (2.º prémio) a Manuela Vara, com a foto "Olhar Virtual, sorriso real" e um tablet (3.º prémio) a Tiago Nascimento, autor da fotografia "Bancada de Atacama".

As receitas angariadas com a venda do livro vão reverter a favor da Alzheimer's Research, instituição de solidariedade e investigação líder a nível mundial na procura de uma cura para a demência.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de