Distanciamento social "não está a ser cumprido pela falta de transporte"

A denúncia é da Juventude Comunista que esteve esta manhã na estação do Oriente a conversar com utilizadores de transportes públicos.

O distanciamento social não está a ser cumprido em muitos transportes públicos, garante a Juventude Comunista, que começou o dia na estação do Oriente, em contactos com os utentes da Área Metropolitana de Lisboa.

A dirigente da JCP, Mónica Mendonça, avisa que o desconfinamento não veio ajudar: "Podemos dizer até que piorou. Por exemplo, a Scotturb e a Vimeca estão em lay-off, o que implica um corte na oferta."

Mónica Mendonça sublinha que "se nós já precisávamos de distanciamento social e de mais autocarros e mais transporte, em alguns serviços, principalmente os privados do grupo Barraqueiro, com o corte de oferta, a situação piorou muito".

Por isso, acredita, "é seguro dizer que não está a ser cumprido pela falta de transporte".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de