Força Aérea resgatou homem após incêndio a bordo perto do cabo de São Vicente

O homem, vietnamita de 36 anos, seguia a bordo de um navio com a bandeira do Panamá. O indivíduo seguiu ventilado para Hospital de Santa Maria, Lisboa, para receber "cuidados diferenciados".

A Força Aérea Portuguesa resgatou na terça-feira um homem de um navio com a bandeira do Panamá a 60 km a sul do cabo de São Vicente, na sequência de um incêndio a bordo.

Numa operação coordenada pelo Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa (MRCC Lisboa), "um indivíduo de nacionalidade vietnamita do sexo masculino, de 36 anos, foi hoje [terça-feira] resgatado do navio mercante Es Care de bandeira do Panamá, por uma aeronave da Força Aérea Portuguesa, a cerca de 30 milhas (cerca de 60 kms) a sul do cabo de São Vicente", indicou a Marinha em comunicado.

Na mesma nota, a Marinha detalhou que "o alerta foi recebido no MRCC Lisboa pelas 16h30, através de uma chamada de socorro por telefone de satélite do navio, a informar que, na sequência do combate a um incêndio que deflagrou na embarcação salva-vidas de bordo, um dos engenheiros acabou por sofrer queimaduras graves em várias partes do corpo incluindo cara e vias respiratórias".

O tripulante foi resgatado às 19h15 com auxílio do helicóptero EH-101 Merlin da Força Aérea Portuguesa, "que, com equipa médica a bordo", prestou de imediato os primeiros socorros.

O indivíduo seguiu ventilado para Hospital de Santa Maria, Lisboa, para receber "cuidados diferenciados", explicou, acrescentando que "o navio de bandeira do Panamá tinha como porto de destino o porto de Huelva, em Espanha".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de